Sahifa fully responsive WordPress News, Magazine, Newspaper, and blog ThemeForest one of the most versatile website themes in the world.

Vasinhos

Vasinhos ou telangiectasias são veias muito finas, superficiais, bem visíveis, ramificadas em formato de teia de aranha, de cor avermelhada ou violácea. São um desconforto estético, porém apresentam baixo risco à saúde. O problema é que podem surgir combinados com veias maiores já dilatadas e sinuosas, muitas vezes não visíveis. Somente um médico especialista poderá avaliar e analisar se a circulação sanguínea está prejudicada e se necessita de tratamento. Apesar de não aumentarem de tamanho, as telangiectasias se multiplicam, comprometem a estética e provocam da sensação de peso e ardência nas pernas.

Escleroterapia líquida (aplicação)

Este é o tratamento de escolha para as telangiectasias (vasinhos). Consiste em realizar punções nas veias comprometidas, com injeção medicamentos esclerosantes, que promovem um processo inflamatório local para causar a oclusão e fibrose das telangiectasias (vasinhos), que aos poucos são reabsorvidas pelo organismo, levando a melhoramento estético e funcional.

É esperada a ocorrência de vermelhidão leve no local, que se resolve num tempo variável de pessoa a pessoa (média 2 a 5 dias). Deve-se evitar atividade física no dia do tratamento (após o mesmo) e a exposição solar em caso de reações cutâneas (equimoses, vermelhidão intensa).

Não existe necessidade de anestesia ou internação hospitalar, cortes ou extração mecânica das veias.

O controle do tratamento e as sessões serão agendadas semanalmente ou de quinze em quinze dias, por um período a ser informado pelo médico especialista, após as primeiras sessões e de acordo com a avaliação da evolução do tratamento.

Laser para vasinhos

O laser transdérmico é uma opção para o tratamento dos vasinhos ou telangiectasias, que pode ser isolado ou associado à escleroterapia líquida. Exige um período de restrição à exposição solar antes e depois do tratamento. A duração e o número de sessões é avaliado caso a caso, e será informado pelo médico especialista após avaliação e de acordo com a evolução do tratamento.
Responsive ThemeForest Wordpress Theme Avada bigtheme.net/wordpress/themeforest/323-avada BIGtheme.net